Lady Gaga diz que vestido usado na posse de Biden era à prova de balas

A cantora Lady Gaga revelou que o vestido usado por ela em janeiro, no dia da posse do presidente Joe Biden nos Estados Unidos, era à prova de balas.

“Me livrar do 45º [presidente] e recepcionar o 46º [presidente] é algo que poderei contar para os meus filhos. Cantei em um vestido Schiaparelli à prova de balas”, revelou em entrevista repercutida pelo Daily Mail.

“Aquele foi um dos dias dos quais mais me orgulho em toda a minha vida. Como muitas pessoas nos Estados Unidos, sentia um medo profundo enquanto [Donald] Trump era presidente”

De acordo com Gaga, não fosse cantora teria escolhido a profissão de jornalista investigativa. “Enquanto estive no Capitólio, na véspera da posse, lembro de andar por lá em busca de evidências da invasão”, contou Gaga sobre a invasão do congresso do país que foi organizada por eleitores de Donald Trump, em 6 de janeiro de 2021.

Gaga, que cantou o hino nacional, usou um conjunto da Schiaparelli com uma enorme pomba dourada na lapela, em uma clara mensagem de paz. Afora a roupa, com uma saia extravagante, a interpretação seguiu o roteiro da ocasião, formal.

Em sua performance, a artista emendou a música -que fala sobre os Estados Unidos serem uma terra de todos – com a canção “America the Beautiful”. Ao final, também recitou uma parte do juramento à bandeira americana, o “Pledge of Allegiance”, em espanhol. O trecho diz “uma nação sob Deus, indivisível, com liberdade e justiça para todos”.